Maserati Usados

O mercado de Maserati usados em Portugal é modesto, mas o mesmo não se pode dizer dos preços, havendo a possibilidade de recorrer a crédito ou financiamento.

A Maserati foi fundada em 1914 pelos irmãos Maserati, Ettore e Ernesto, com o objetivo de desenvolver carros, e especialmente motores, além de produzir velas de ignição. O logotipo da marca, um tridente, coube a Mario Maserati, o único apaixonado por artes dos quatro irmãos, e foi inspirado na estátua de Neptuno de Giambologna, localizada numa das praças mais importantes de Bolonha.

A empresa que abriu portas em plena Primeira Guerra Mundial teve um início conturbado e poucos foram os anos de estabilidade. Seguiu-se outra guerra e sucessivas vendas. A Maserati foi da Citroen, da Chrysler, da Fiat e do seu arqui-inimigo Ferrari.

Quando a Ferrari assumiu o total controlo da marca, em 1999, decidiu transformá-la na sua secção de luxo, sendo a responsável por ter feito a Maserati renascer das cinzas, após anos no limiar da bancarrota. Mudou as instalações, os equipamentos e daí nasceram carros como o Maserati Coupé, o GranTurismo, o GranCabrio e o Quatropporte.

As mudanças não se ficariam por aqui e em 2005, a Maserati e o grupo Alfa Romeo, sob a alçada da Fiat, iniciavam nova parceria. Passados dois anos, a Maserati fazia lucro pela primeira vez após 17 anos. Chegou a sexta geração do Quatropporte, o Ghibli, o SUV Levante e o Alfieri. A marca diz haver espaço para a construção, no futuro, de um desportivo acima do Alfieri.

Maserati